Flor-de-maio: beleza e resistência só que sem espinhos

Categorias: Acessórios

Schlumbergera truncata é uma planta Brasileiríssima. O nome científico dessa planta, convenhamos, não é nada bonito nem fácil de se pronunciar. Mas, o que o nome tem de excêntrico a planta tem de linda.

Se ainda não sabe de que planta estamos falando, vamos facilitar, porque ela tem muitos nomes populares: flor-de-maio, cacto-de-natal, cacto-de-páscoa, flor-de-seda ou flor-de-outubro. Conhece?

A espécie flor-de-maio sempre esteve por aí. Você já deve tê-la conhecido na casa da vó, na casa de uma tia, no quintal de algum vizinho… É aquela planta que é super discreta e que, de repente, num mudar de estação “entre o final do outono e início do inverno” se enche de botões com cores e formatos encantadores. É momento que ela mostra “a que veio”, e a gente, ama observar o quanto a natureza é perfeita.

A flor-de-maio é um cacto originário da mata atlântica do sudeste do Brasil, onde cresce em rochas e sobre troncos e galhos de árvores.

Características da flor-de-maio

As flores podem ser em tons variados de rosa, alaranjadas, amarelo-pálido, branca ou vermelha. Quando polinizadas, as flores produzem pequenos frutos de 1 ou 2 cm que adquirem uma forte coloração rosada quando maduros.

Na natureza, a planta pode chegar a 30cm de altura, mas, cultivada em vasos ou jardineiras ela dificilmente passa de 10 cm de diâmetro.

Clima Temperaturas acima de 12°C
Iluminação Sombra parcial com boa luminosidade
Irrigação Solo levemente úmido. Suporta curtos períodos de seca fora da época de floração. Água em excesso favorece o surgimento de doenças e o apodrecimento da planta
Solo Bem drenado, leve e fértil. A faixa de pH ideal do solo é de 5,5 a 6,2
Época de floração Outono ou início de inverno. A floração é induzida por noites longas e temperaturas entre 10°C e 20°C. Temperatura elevada durante a floração pode fazer as flores caírem
Ciclo de cultivo Plantas perenes. É recomendado replantá-las nos vasos a cada três anos
Propagação Por estaquia
Espaçamento 20 a 30 cm
Postado em 10 de junho de 2019 | 2 comentários, clique aqui para ler

2 Comentários

  • Julio Crowford

    28/06/2019

    A flor de maio é um verdadeiro espetáculo! Queria compartilhar um segredo que descobri nas Kalanchoe e funciona com essas plantas também. O “truque” para fazer com que o cacto de Natal floresça se resume a duas coisas: luz e temperatura. Essas duas são as chaves do reino das flores. Cactos de Natal produzem flores em um ciclo de dia frio e meio ambiente. Para iniciar a produção de botões florais, é necessário que haja pelo menos oito dias de 16 horas de escuridão e oito horas de luz por dia. Onde quer que a planta seja colocada, não acenda as luzes à noite, mesmo que por um curto período de tempo. Isso quebra o ciclo escuro necessário. A temperatura deve estar em torno de 16 °C. Evite colocar a planta onde ela receba correntes de ar frio ou quente. Espero ter ajudado. Abraços do Julio do Guia de Jardinagem

    • HM Jardins

      30/07/2019

      Muito obrigada Julio, maravilhosa a dica.

Deixe seu comentário!