Saiba como cultivar amora em vaso

Categorias: Árvore, Frutíferas

Se ela é uma das suas frutas preferidas, remetem a sua infância e/ou lembram a casa da vó que tinha aquela linda amoreira, a gente te convida a plantar “na sua casa” um lindo e delicioso pé de amora.

Hoje em dia a gente sofre com o pouco espaço em casa, muitas vezes nosso jardim se resume a uma sacada cheia de plantas ou um pequeno espaço atrás de casa no qual penduramos algumas plantas para dar um frescor ao lar.

Nem todos dispões de espaço para plantar, cultivar e ter “aquela horta” de encher os olhos. Mas, não choremos por isso, o fato é que dá para ter temperos, flores e até frutíferas em casa, ali mesmo na sua sacada.

E hoje, vamos te mostrar como cultivar, desde o início, uma amoreira, através de estaquia.

Se não sabe o que é Estaquia, da uma lida rápida nesse post abaixo, pois ele explica sobre essa técnica de propagação.

Conheça algumas técnicas de propagação

Para cultivar uma amoreira num vaso, você vai precisar de:

  • Um vaso médio ou grande (caso não queira trocar de vaso daqui a alguns meses, pode já realizar o plantio num vazo grande);
  • Terra preta;
  • Material para drenagem (brita, cinasitas, pedaços pequenos de telha ou tijolo);
  • Adubo (de compostagem, de húmus e farinha de osso);
  • Uma estaca de amora com espessura igual a de um lápis e de 20 a 30 cm de cumprimento.

Dando início aos trabalhos…

O passo a passo é simples depois que você providenciou os materiais acima. Aí, basta colocar a mão na massa (terra) e abrir os trabalhos.

Uma dica muito importante é que você precisa fazer umas raspagens na parte inferior da estaca para favorecer o enraizamento – isso vai adiantar o processo de desenvolvimento da sua muda.

amora-em-vasos-hm-jardins-4

Depois, você deve preparar o vaso e para isso vai depositar no fundo uma camada de pedras ou cinasitas para ajudar no processo de drenagem da água. Dessa forma a água não se acumula no fundo do vaso. Lembre que seu vaso precisa de furos na parte inferior para que a água, em cada rega, seja escoada, evitando que a terra fique úmida demais e hospede fungos.

Depois de depositar seu material escolhido para drenagem, coloque a terra misturada ao adubo de sua preferência. Como adubo você pode usar uma mistura de composto orgânico, húmus e um punhado de farinha de osso (uma colher de sopa para cada 5kg de terra).

Coloque sua estava no meio (com aquela parte raspada para baixo), enterre em torno de 4 dedos e ajeite a terra para que ela fique forme – depois molhe a terra abundantemente.

A brotação

Após mais ou menos 1 semana do plantio, você já vai observar um início de brotação. Nessa brotação inicial  você já verá flores que produzirão os futuros frutos.

amora-em-vasos-hm-jardins-5

Mantenha a terra úmida – 2 meses depois já terá uma árvore formada e possivelmente dando os primeiros frutos.

Conforme o passar o tempo, a planta vai crescer e aumentar sua produção.

Fique atento se o vaso escolhido tem o tamanho adequado.

Depois é só colher e se deliciar com essa poderosa fruta vermelha.

Sobre a amora

Há diversos tipos de amora, como a amora vermelha (Rubus rosifolius) que é a mais comum. A branca (Morus alba), que é cultivada para fornecer folhas a criação do bicho-da-seda). A amora preta (Morus nigra) que possui ótimo potencial de comercialização, também conhecida como amora gigante. E a amora americana, também chamada de Blackberry.

As amoreiras se desenvolvem bem em ambiente de clima ameno e úmido. A planta gosta de clima temperado subtropical e temperatura entre 24 °C e 28 °C. No entanto, tem um bom crescimento em todo o território nacional. Até porque ela aprecia alta exposição de luz solar direta.

A amora possui compostos antioxidantes que conseguem ajudar as células do organismo a se protegerem das mutações, que é o primeiro passo para a formação de um algum tipo de câncer.

Também foi observado um efeito anti-inflamatório do extrato de amora-preta, o que não deixa de ser interessante, já que se acredita que o câncer está relacionado a um processo de inflamação crônica.

Postado em 23 de janeiro de 2019 | Faça um comentário »

Deixe seu comentário!